Assinatura das delegações de rodovias do novo pedágio é cancelada

O ministro dos Transportes, Renan Filho, cancelou a vinda a Curitiba, inicialmente marcada para a manhã desta sexta-feira (3). Ele e o governador Ratinho Junior assinariam as delegações das rodovias estaduais dos dois primeiros lotes da nova concessão de rodovias no Paraná. A cerimônia, marcada para as 10 horas, no Palácio Iguaçu, foi cancelada.

O líder do governo na Assembleia Legislativa (Alep), deputado Hussein Bakri, comunicou os deputados da base sobre o cancelamento. “Ao contrário do que inicialmente previsto, informamos que a agenda do governador Carlos Massa Ratinho Júnior foi adiada e será remarcada conforme disponibilidade do Ministério dos Transportes”.

Seriam assinadas, na solenidade, as delegações das rodovias estaduais dos dois primeiros lotes da nova concessão de rodovias no Paraná. O lote 1, com extensão total de 473,01 km, engloba as ligações entre Curitiba e Guarapuava (Trevo do Relógio) e Guarapuava a Ponta Grossa, além da Região Metropolitana de Curitiba. O lote 2 tem extensão total de 600 km. Ele engloba as ligações entre Curitiba-Litoral, Ponta Grossa-Jaguariaíva, Jaguariaíva-Ourinhos (na divisa com São Paulo) e Ourinhos-Cornélio Procópio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

%d blogueiros gostam disto: