Temporal causa alagamentos e estragosA tempestade que se abateu sobre Curitiba na tarde desta quinta-feira (21) causou muito prejuízo e destruição. Na avenida Iguaçu, uma árvore gigante caiu sobre veículos estacionados. Pelo menos seis carros foram atingidos, mas não há informação sobre feridos.

Outras ruas do Centro e bairros foram afetadas por inundações pontuais. O trânsito ficou caótico.

As regiões mais afetadas foram o Centro e bairros do Leste e Sul da cidade, como mostra o vídeo com imagens de uma rua do bairro do Uberaba. O prédio da Universidade Católica, no Prado Velho, foi invadido pelas águas. O auditório, onde seria realizada cerimônia de formatura de alunos de Psicologia, foi tomado pela enchente. O trânsito nas ruas centrais virou o caos, com interrupção de vias e danos no asfalto.

Cerca de 200 pessoas, entre guardas municipais, técnicos das administrações regionais, agentes do meio ambiente, da FAS e da Defesa Civil municipal, trabalham nesta quinta-feira (21/2) para atender as ocorrências das fortes chuvas que caíram em Curitiba.

Temporal causa alagamentos e estragosSegundo o Simepar, entre 15 e 17 horas choveu 118,4 mm, o equivalente a 80,5% dos 147 mm esperados para o mês inteiro.

Foram registrados pelo menos 14 pontos de alagamentos nas ruas; 14 quedas de árvores;  13 unidades da rede municipal de ensino tiveram alagamento. O abrigo da FAS no Centro e no Parolin foi alagado e as pessoas foram transferidas para o Centro Pop do Sítio Cercado.

As equipes continuam de prontidão. Também prossegue o rescaldo da chuva até que as ocorrências estejam normalizadas. Não há registro de feridos, desabrigados nem desalojados até agora.