Ratinho, o Sozinho

(por Ruth Bolognese) – O candidato ao governo deputado Ratinho Jr é engraçado. E deve falar o que lhe vem à cabeça, sem pensar direito, porque acabou de dizer ao repórter Rogério Galindo, da Gazeta, que formou seu próprio grupo político para não depender de ninguém nas eleições.

Se ele acredita mesmo nisso, então está no lugar errado. Por essência, a política é a arte do convívio, e tem uma coisa que não se faz sozinho é política.

Então vamos lá: formar um grupo para sair por aí, andando de jatinho e visitando as cidades promovendo eventos e fazendo discursos, é campanha eleitoral.

Fundar partidos e controlar seus presidentes e filiados para obter apoio, votos e espaço na TV, é questão partidária e imitação da família Barros.

Ser filho do apresentador de TV mais popular do país e usar o nome e o dinheiro dele para projetar-se como candidato é nepotismo.

Política na real é a convivência entre os contrários, a capacidade de fazer alianças em torno de um programa comum, a coalizão de partidos e grupos para a governabilidade.
E para entender isso é preciso ser visionário, líder nato ou até mesmo ter estudado um pouco de filosofia e ciências sociais.

O resto é conversa mole.

3 COMENTÁRIOS

  1. Não entendi dessa forma Ruth. Acho que a expressão do candidato foi muito adequada ao momento político que atravessamos.
    Formar um grupo político próprio é sim alinhar pessoas (grupo) da forma exata que a ciência politica defende.
    Acrescentar que não depende de outros, ao meu entender, revelou a clareza das ideiais e editais deste grupo que ele formou.
    Entendo como benéfica a intensão do candidato pois revelou seu compromisso e retidão, ao mesmo tempo em que afastou eventual coligação por interesse. Elevou sua responsabilidade pelas ações e reafirmou sua posição.
    Enfim… palavras podem ser interpretadas de diversas formas… isso é política.
    O resto é conversa mole

  2. Como é saudável se deparar com artigos tão bem redigidos e com clareza de ideias. Como é bom ainda termos pessoas que não tem medo de defender sua opiniões. Parabéns Ruth

  3. “Política na real é a convivência entre os contrários, a capacidade de fazer alianças em torno de um programa comum, a coalizão de partidos e grupos para a governabilidade.”
    A mais clara definição de política que encontrei! Meus parabéns!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui