Mandetta pede orações após demissão de Teich

Além disso, demonstrou a discordância que havia entre ele e o presidente Jair Bolsonaro. “A vida hoje de uma pessoa na cracolândia tem o mesmo significado quando ela competir um leito da CTI com um homem rico. O sistema de saúde ainda não está preparado para uma marcha acelerada. Sigam orientações de pessoas mais próximas do sistema de saúde. Vai ser bem dura a tomada de decisão que teremos que fazer nos próximos meses”, ressaltou.

No dia da demissão de Mandetta, o Brasil tinha 1.924 óbitos causados pela covid-19 e o número de casos de infectados pelo novo coronavírus era de 30.425. Depois de 28 dias, segundo boletim do Ministério da Saúde dessa quinta-feira (14), o País acumulava 13.993 mortes desde o primeiro registro oficial, no dia 17 de março, em São Paulo, e tinha 202.918 pessoas diagnosticadas com a doença provocada pelo novo coronavírus.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui