Justiça manda Ibope abrir pesquisa de Curitiba

A Justiça Eleitoral atendeu ao pedido da Coligação Gente Em Primeiro Lugar, do candidato Fernando Francischini (PSL), para que o Ibope entregue os dados da pesquisa divulgada na última terça-feira (6) referente à corrida eleitoral para a Prefeitura de Curitiba. A decisão favorável foi da juíza Melissa de Azevedo Olivas, da 178ª Zona Eleitoral.

O objetivo da ação é fazer uma verificação técnica, conferir os dados publicados, preservando a identidade dos eleitores que responderam ao levantamento do Ibope.

Caso seja constatada a divulgação de pesquisa fraudulenta, Francischini vai requerer o processamento criminal, com base na Lei das Eleições.

Após a intimação, o Ibope tem dois dias para fornecer os dados requeridos. O não cumprimento da decisão constitui crime, punível com detenção, de seis meses a um ano, com a alternativa de prestação de serviços à comunidade pelo mesmo prazo, e multa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui