Deputado vai apresentar projeto sobre indicação de uma mulher para o Tribunal de Contas

O deputado estadual Luiz Carlos Martins (PP) vai apresentar projeto na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) para que a próxima vaga a ser aberta no Tribunal de Contas do Estado (TCE) seja ocupada por uma mulher. “É questão de justiça”, disse o parlamentar, recordando que a escolha dos conselheiros é atribuição da Alep. Ele espera, que essa bandeira seja acolhida por seus pares.

“As mulheres do Paraná certamente pensam como nós pensamos nesses tempos de valorização e inclusão feminina em todas dimensões da sociedade”. Segundo o deputado, o Poder Executivo e o Tribunal de Justiça do Paraná já fizeram “a lição de casa”, e não é mais admissível que a Corte de contas não tenha uma conselheira. “Uma decisão que cabe apenas à Alep”, disse.

Luiz Carlos disse ao site do jornalista Aroldo Murá que o Tribunal de Justiça do Paraná, há anos,“pagou tributo” à longa ausência de uma mulher em seus quadros, ao acolher a desembargadora Regina Helena Portes. Depois vieram outras. “ E o poder Executivo teve com Cida Borghetti um exemplo concreto de quanto uma mulher pode ser eficiente e humana na arte de governar. Foi a primeira governadora do Paraná em longo mandato. E o fez magistralmente”.

E finalizou:  “Nós, deputados estaduais, escolhemos os Conselheiros do Tribunal de Contas do Paraná. Por que não, dessa vez, escolhermos uma mulher para a vaga? Seria a primeira conselheira da história do nosso TC. Estou propondo essa ideia e vou trabalhar muito por isso”.

A próxima vaga a ser aberta no Tribunal de Contas é a do conselheiro Artagão de Mattos Leão, que vai para a aposentadoria compulsória em outubro do ano que vem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

%d blogueiros gostam disto: