Um delegado da Polícia Civil (*) rendeu um motorista de aplicativo e atirou contra um tenente do Corpo de Bombeiros na madrugada deste domingo (14), no Centro de Curitiba, informa a Rádio Banda B.

Aparentemente transtornado, o delegado teria se envolvido em várias situações. A primeira aconteceu na esquina da Avenida Vicente Machado com a Rua Brigadeiro Franco. Lá, acabou brigando com três pessoas e realizou três disparos com sua arma de fogo. À Polícia Militar, o delegado alegou que três homens teriam tentado o agredi-lo, o que motivou os disparos “de aviso”.

Mas, ao tentar fugir do local, o delegado rendeu um motorista de aplicativo e seguiu até a Alameda Cabral. Lá, segundo os relatos entrou em uma boate antes de seguir até um hotel da região.

Como pagou a estadia com cartão de crédito, acabou identificado e preso no estabelecimento.

Detido, a Polícia Militar então chamou o Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), da Polícia Civil. O delegado acabou encaminhado à Central de Flagrantes de Curitiba.

A Banda B entrou em contato com a Polícia Civil e um posicionamento oficial da corporação deve ser enviado ainda neste domingo.

(*) Segundo registro no Boletim de Ocorrência, o delegado é Daniel Prestes Fagundes, presidente da Associação dos Delegados de Polícia do Paraná (Adepol) e o tenente bombeiro atingido é