Bolsonaro volta da dizer que sem eleições limpas não haverá eleições

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
O presidente Jair Bolsonaro colocou de novo em dúvida a realização de eleições em 2022 ao se dirigir a apoiadores por meio de videochamadas em atos a favor do voto impresso, realizados nesse domingo (1º) em Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte e outras cidades.

“Vocês estão aí, além de clamar pela garantia da nossa liberdade, buscando uma maneira que tenhamos uma eleições limpas e democráticas no ano que vem. Sem eleições limpas e democráticas, não haverá eleição”, disse Bolsonaro na manhã de domingo aos manifestantes concentrados em frente ao prédio do Congresso, em Brasília.

“Nós mais que exigimos, podem ter certeza, juntos porque vocês são de fato meu Exército -o nosso Exército- que a vontade popular seja expressada na contagem pública dos votos”, afirmou na mesma videochamada.

Em outro trecho, o presidente declarou que ele e seus seguidores não vão “esperar acontecer para tomar providências”. “Juntos nós faremos o que tiver que ser necessário para que, repito, haja contagem pública dos votos e tenhamos eleições democráticas no ano que vem.”

Deixe uma resposta