Salles chama general Ramos de ‘banana de pijama’ e ‘Maria fofoca’ 

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, utilizou a sua conta no Twitter para atacar o ministro-chefe da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, explicitando uma vez mais a disputa interna no Palácio do Planalto entre a chamada “ala ideológica” e o núcleo militar do governo.

Irritado com a publicação de uma nota pelo jornal O Globo, Salles disse que o colega, responsável pela articulação política do governo com o Congresso, age como “#mariafofoca”. O ministro se referiu ao texto intitulado “Salles estica a corda com a ala militar do governo e testa blindagem de Bolsonaro”, da colunista Bela Megale.

Salles escreveu no Twitter: “Tenho enorme respeito pela instituição militar. Como em qualquer lugar, infelizmente, há sempre uma maçã podre a contaminar os demais. Fonte de fofoca, de intriga, de conspiração e da discórdia. O problema é a banana de pijama”.

Depois, a postagem foi apagada e substituída por outro texto em que o ministro deixou mais claro a quem endereçava os ataques. “Não estiquei a corda com ninguém. Tenho enorme respeito e apreço pela instituição militar. Atuo da forma que entendo correto. Chega dessa postura de maria fofoca”, afirmou na segunda publicação, com a marcação do nome do ministro Luiz Eduardo Ramos.

Deixe uma resposta