Sai nesta sexta primeira rodada de pesquisas para prefeito de Curitiba

Em tempo de convenções partidárias para a escolha dos candidatos a prefeito, o instituto Paraná Pesquisas divulga na manhã desta sexta-feira (4) resultados da primeira pesquisa de intenção de votos para prefeito em Curitiba. Na verdade, a segunda – porque na semana passa uma sondagem já registrada no TRE foi impugnada a pedido do partido Rede Sustentabilidade que apontou supostas inconsistências na estratificação da amostra do eleitorado curitibano.

A impugnação foi aceita pelo TRE, muito embora a metodologia empregada seja a mesma utilizada pelo Ibope e outros institutos de credibilidade nacional e pelo próprio Paraná Pesquisas em sondagens que vem realizando em todas as capitais, nunca sendo objetos de contestação.

Para a pesquisa a ser divulgada amanhã, já registrada no TRE-PR sob o número PR-04183/2020, o diretor do instituto, Murilo Hidalgo, atendeu o entendimento acatado pelo TRE e incluiu também o nome do candidato da Rede Sustentabilidade, professor Eloy Casagrande, por ter confirmado sua pré-candidatura há quatro dias.

Serão aferidas as intenções de voto para o candidato da Rede e também para os já anunciados há meses: Rafael Greca (DEM), Ney Leprevost (PSD), Gustavo Fruet (PDT), João Arruda (MDB), João Guilherme (Novo), Fernando Francischini (PSL), Paulo Opuszka (PT), Carol Arns (Podemos), Renato Mocelin (Verde), Edson Lau (PSDB), Zé Boni (PTC) e Cristiane Yared (PL). Foram entrevistados 800 eleitores. E há dois cenários de candidaturas na pesquisa estimulada, em que é apresentada uma relação dos concorrentes. O primeiro cenário inclui a candidatura do deputado federal Ney Leprevost (PSD), enquanto o segundo exclui seu nome.

Salvador e Niterói

Duas novas sondagens foram divulgadas nesta quinta-feira (3) pelo Paraná Pesquisas – Salvador e Niterói. Em ambas, as preferências do eleitorado estão distantes das correntes bolsonaristas. Na capital da Bahia, tudo indica que será eleito por larga margem Bruno Reis, atual vice-prefeito, apoiado por ACM Neto (DEM). Com 39% de citações, Reis se sobrepõe ao candidato bolsonarista sargento (e pastor) Isidório, do Avante, que se define como ex-gay e que aparece com 19%.

Em Niteroi, a tendência é de vitória de Axel Grael, do PDT, secretário municipal de Planejamento. Irmão dos medalhistas olímpicos Torben Grael e Lars Grael, Axel soma 26 pontos contra 21 de Felipe Peixoto, do PSB.

 

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui