Ricardo Barros pede acesso a documentos atualizados que o citam na CPI da Covid

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
O deputado federal Ricardo Barros (PP-PR), líder do governo na Câmara dos Deputados, solicitou que a CPI da Covid, no Senado Federal,  disponibilize à sua defesa os documentos atualizados colhidos pela comissão que façam menção a seu nome. Apontado pelo deputado federal Luís Miranda (DEM-DF) como um dos articuladores de um esquema para superfaturar a compra da vacina Covaxin, Barros é um dos principais alvos da CPI.

No dia 15 de julho, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski autorizou que o deputado paranaense tivesse acesso a qualquer dado que o envolvesse e que fosse coletado pelo Senado. Na decisão, o ministro argumentou que a atuação dos investigadores deveria pautar-se “pelo princípio do devido processo legal, abrigado na Constituição da República, no qual se encontra inserido o direito à ampla defesa”. Barros será ouvido pela comissão no dia 12 de agosto. (Do Congresso em Foco).

Deixe uma resposta