Procuradores estariam arrependidos do voto em Bolsonaro; força-tarefa nega preferência política

Diante a informação do jornalista Guilherme Amado, da revista Época, segundo a qual “os procuradores da Lava Jato em Curitiba votaram em Jair Bolsonaro em 2018 acreditando que o PT desmontaria a engrenagem de combate à corrupção”, a força-tarefa da operação afirma em nota que “jamis teve preferência por candidato, político ou partido”.

Segundo Guilherme Amado, os procuradores “têm afirmado privadamente que se arrependeram do voto”. E “consideram que Bolsonaro está trabalhando deliberadamente para matar não só a Lava Jato, mas todas as condições que permitiram seu surgimento. Ninguém diz que preferia ter votado no PT. Arrependem-se de não ter votado nulo”.

De acordo com a nota do Ministério Público Federal do Paraná (MPFPR), a notícia da revista Época “leva à incorreta interpretação de que a força-tarefa de procuradores que trabalham na operação Lava Jato no Paraná tinha uma preferência por um candidato no segundo turno das últimas eleições, o que não é verdade”.

Acrescenta a nota que “a força-tarefa jamais teve preferência por candidato, político ou partido, mas defende a causa anticorrupção e a democracia, de modo apartidário”. E ressalta que “o grupo sempre foi formado por integrantes com entendimentos políticos e ideológicos diversos, o que se traduziu em diferentes votos no primeiro e segundo turnos das eleições, os quais convergem plenamente na realização de um trabalho jurídico técnico em favor da sociedade”.

 

 

1 COMENTÁRIO

  1. Com. Essa foto da a impressão que os nobres procuradores viram muito filme na adolescência, é bom ser inspirado pela justiça, mas ainda melhor é ser justo.
    Como ninguém sabe o que é ser justo, criou-se um conjunto de regras chamado de lei.
    Vale pra todo mundo, até para quem acha a sua justiça mais importante que a do outro, sua finalidade é ordenar, disciplinar, orientar para o caminho do meio e para ações e decisões sem preferência.
    Como estes senhores se consideram sobre-humanos, julgam e afirmam não ter preferência
    Mas preferiram por nós, decidiram por nós. Não fizeram nada do que pagamos para eles fazerem, se meteram com alas, partidos, grupelhos.
    Se não ente sem o que digo reflitam sobre a pediatra no Rio Grande que se negou a atender uma criança pq os pais viravam. Nós candidatos do PT. Ela fez um. Juramento de zelar pela saúde de uma vida, os penduricalhos da vida da pessoa, em tese, não deviam abalar a conduta dela.
    Vcs fizeram um juramento também, em tese, não deviam valorizar certas coisas, deviam usar uma venda.
    Quem nesse país não sabe Que Dilma não Queria fazer “negócio” com a Câmara dos deputados e que o Cunha avisou ela ou dá ou desce?
    Pessoas que hj pregam que não querem a velha política, muitos de vcs, desconhecem o custo que foi para aquela senhora, bater o pé e dizer que não ia dar cargos em. Troca da aprovação da reforma fiscal que um min da economia desenhou…. Ela quis romper com esse costume, Ela permitiu que vcs avançassem, ela não imaginou que vcs desrespeitaram a lei e que usariam de seu conhecimento, de seus cargos, de sua influência para corromper a percepção, o rigor das diligências e investigações, o respeito às pessoas, inclusive à Dilma.
    Não vai dizer o juiz que ele no soltou um áudio “sem querer” sabendo o que aquilo iria parecer e o quão importante era um golpe daquele, naquele momento.
    Hj, após muita leitura e informação eu entendo pq o Cardoso disse que o tempo faria justiça, pq sem tanto grito, hj se pode ver quem era Dilma e até deltan tentou arranhar um: ” só queremos combater a corrupção e não estamos atrás de político a ou b” todavia, a lava jato não tinha trilhos e quando começou a colocá-los para seguir adiante, seguiu para a esquerda e se apoiando no lodaçal do pré julgamento, do pré conceito e da pré condenação
    Vcs podem tentar de novo, sem se corromper pelos holofotes e pela vaidade de participar da política, não percam o aprendizado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

%d blogueiros gostam disto: