Procuradora nega ter autenticado “todas” as mensagens hackeadas

A procuradora Jerusa Viecili, da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, pediu desculpas ao ex-presidente Lula por ter tratado de maneira jocosa o falecimento de Marisa Letícia em mensagens que trocou com colegas pelo Telegram e vazadas pelo site The Intercept.

Procuradora nega ter autenticado "todas" as mensagens hackeadasFoi um reconhecimento de que os diálogos agora revelados eram autênticos, coisa que os procuradores e mesmo o ex-juiz Sergio Moro procuraram negar.

Diante da repercussão do atestado de veracidade que ela assinou, Jerusa tentou relativizar os que escreveu antes e fez nova publicação no Twitter, onde ela diz que “lembrar de uma mensagem não autentica todo o conjunto” e que reconhecer uma como verdadeira não afasta o fato de que houve crime.

3 COMENTÁRIOS

  1. A menina vem com humildade pedir desculpas até acho que pela grandeza de Lula ele vai desculpa-la, mas não comece com mi mi mi, pois sabe que o que está nas mensagens são verdades então pare de querer negar o óbvio.

  2. Claro, claro. Apenas a mensagem pela qual se desculpa é verdadeira. Todas as outras são mentirosas…Menos as mensagens sobre as palestras secretas para banqueiros às vésperas das eleições, feitas por Deltan Dalagnol e admitidas por ele próprio. E também sobre o vídeo encomendado para uma produtora de Curitiba. E também o outdoor autoelogiando a lavajato, pago por um procurador. E também o jantar com o Barroso. E também o “In Fux we trust”… E por aí vai. Mas é fácil comprovar o que é falso ou verdadeiro. As mensagens estão com a PF e o Supremo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

%d blogueiros gostam disto: