Em sentença proferida nessa terça-feira (19), o Juízo da Vara Criminal de Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, condenou o ex-prefeito do município Rui Alves de Souza (PTC)  a 44 anos de prisão pelos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O ex-gestor era vice-prefeito e assumiu o cargo após a renúncia do titular, ocupando o cargo de julho a dezembro de 2016.

.A condenação ocorreu a partir de denúncia decorrente da terceira fase da Operação Fim de Feira, deflagrada em dezembro de 2016 pelo Ministério Público do Paraná (MPPR), a partir das Promotorias de Justiça de Araucária, para investigar crimes contra a administração pública no Município.

Resultados – A terceira fase da Operação Fim de Feira também levou à condenação de diversos réus. A maior pena foi aplicada a um empresário do ramo de transporte, condenado a 50 anos e 6 meses de reclusão, pelos crimes de organização criminosa, corrupção ativa e lavagem de dinheiro. No total, são 11 condenados – somadas, as penas ultrapassam 377 anos de reclusão. (Informações do MPPR).