Deputado paranaense quer criar CPI para investigar urnas eletrônicas

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
O relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que determinava a impressão dos votos das urnas eletrônicas, deputado federal Filipe Barros (PSL-PR), afirmou que, embora ela tenha sido rejeitada pelo plenário da Câmara dos Deputados, o placar o surpreendeu positivamente.

Por isso, o parlamentar está recolhendo assinaturas para criar uma Comissão Parlamentar de Inquérito)(CPI) para investigar a segurança das urnas eletrônicas. De acordo com ele, 60 deputados já apoiaram o pedido. São necessárias 171 adesões para solicitar oficialmente a CPI.

Deixe uma resposta