As nomeações de comissionados visando acomodar aliados políticos andam a todo o vapor no governo do Paraná. Até mesmo cargos técnicos têm sido usados para acomodar pessoas que farão campanha para a reeleição de Cida Borghetti. Um dos casos mais recentes é o do ITCG, Instituto de Terras, Cartografia e Geologia do Paraná. Através do decreto 9786, de 24 de Maio de 2018, Cida nomeou o estudante Saul Dorval Filho para exercer cargo de Chefe de Departamento do ITCG.

O ITCG é a autarquia que executa a política fundiária no Paraná, “tendo por finalidade a colonização e o desenvolvimento rural do Estado, a execução de serviços cartográficos, a elaboração do cadastro territorial rural e de sua estatística imobiliária, bem como a pesquisa nas áreas fundiária, agrária e de geociências”, conforme consta em seu site.

Não há notícias de que Saul Dorval Filho seja um técnico ou tenha qualquer experiência na área de cartografia, geologia ou regularização fundiária. Segundo seu perfil no Facebook, o jovem de 22 anos era, até então, estagiário de Direito de segundo ano numa empresa privada. Um grande salto na carreira. Na verdade, o que levou Saul Filho a ser nomeado é o fato de que seu pai, Saul Dorval, recentemente trocou o PMDB pelo PP da governadora a convite de Ricardo Barros.

Para a nomeação do jovem estudante teve de ser exonerado o geólogo Oscar Salazar Junior, conforme mostra o mesmo decreto.