Bolsonaro avisa a ministros que acabou “essa coisa de porteira fechada”

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

Durante uma reunião considerada tensa, o presidente Jair Bolsonaro disse aos seus ministros nessa quarta-feira(22) que “acabou essa coisa de porteira fechada nos ministérios”. Bolsonaro pretende a partir de agora colocar pessoas de sua confiança em empresas estatais, nos órgãos e escalões inferiores dos ministérios. O primeiro passado foi dado com a nomeação de um general para ser o secretário-executivo do Ministério da Justiça.

Essa nova maneira de cuidar da administração pode ser um aviso de que o Centrão vai entrar no governo como forma de Bolsonaro escapar do isolamento a que está submetido pelo Congresso Nacional. É o início do loteamento dos cargos, inclusive para políticos já condenados pela Lava Jato.

Fala-se no fatiamento do Ministério da Economia, de Paulo Guedes, com o desdobramento da área do Trabalho e a sua transformação em novo ministério, que seria entregue para o PTB do ex-deputado federal Roberto Jefferson. A análise é da jornalista Vera Magalhães, de O Estado de s. Paulo.

Deixe uma resposta