Ricardo Barros passa a ser investigado pela CPI da Covid

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
O relator da CPI da Covid, senador Renan Calheiros (MDB-AL), afirmou na manhã desta quarta-feira (18)  que o líder do governo na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros (PP-PR), passará a ser investigado pela Comissão Parlamentar de Inquérito. Antes, ele era testemunha.

“A partir de hoje, faz parte da nossa apuração, formalmente como investigado, o deputado Ricardo Barros. Nós estamos agregando o nome de Ricardo Barros em relação aos indícios de sua participação nessa rede criminosa que tentou vender vacinas por meio de atravessadores”, disse Renan Calheiros.

“Ele será investigado pelo conjunto da obra, pela comprovação da participação dele em diversos momentos [das tratativas entre a Bharat Biotech e o Ministério da Saúde]”, afirmou o relator da CPI.

Em depoimento prestado no final de junho, o deputado federal Luis Miranda, do Distrito Federal, afirmou à CPI da Covid que Ricardo Barros estaria à frente do esquema relacionado à compra de vacinas da Covaxin.

Além disso, o laboratório Bharat Biotech, que no Brasil é representado pela Precisa Medicamentos, teria sido supostamente beneficiado com uma

emenda apresentada pelo deputado federal paranaense em uma Medida Provisória que flexibilizou a compra de vacinas pelo governo brasileiro. (De O Antagonista).

Deixe uma resposta