Presidiários tentam aplicar golpe em deputado no meio da sessão

O deputado estadual Soldado Fruet (Pros) foi vítima de tentativas de golpe por parte de presidiários nesta quarta-feira (24), uma delas enquanto participava da sessão da Assembleia Legislativa (Alep). Pela manhã, o parlamentar, que apresenta o programa policial “Na mira com Soldado Fruet” na Rádio 97,7 FM de Foz do Iguaçu, foi informado por um ouvinte a respeito do roubo de uma motocicleta. O deputado divulgou o fato em suas redes sociais, com intuito de ajudar a localizar o veículo, e pediu que quem tivesse informações entrasse em contato com ele, para não expor os dados da vítima.

Assim que a informação do roubo da moto foi postada, o deputado começou a receber ligações de números com prefixos de outros estados. “Ligaram de dentro da cadeia dizendo que estavam com a moto e pediram para eu depositar dinheiro para pagar o resgate”, contou o Soldado Fruet. Quando ele se identificou como policial militar, o golpista desligou o telefone. No meio da tarde, enquanto participava da plenária remota da ALEP, o deputado recebeu outra ligação de um número que não era de Foz do Iguaçu e o estelionatário desistiu de tentar negociar ao perceber que falava com um policial.

O Soldado Fruet destacou que a situação serve de alerta para que a população tenha cuidado com golpes nas redes sociais. “Por isso, quando tiver algum bem furtado ou roubado, não divulgue seus dados pessoais pela internet, pois corre um grande risco de receber ligações de criminosos pedindo resgate e de sofrer um prejuízo ainda maior caso venha a efetuar algum pagamento para esses golpistas”, orientou o deputado, que atuou por 17 anos na Polícia Militar do Paraná.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

%d blogueiros gostam disto: