Polícia Federal de Curitiba usará Lamborghini para ações pedagógicas

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
A Polícia Federal (PF) de Curitiba recebeu autorização da Justiça para caracterizar uma Lamborghini modelo Gallardo LP 560-4 como uma viatura ostensiva. O carro, que custa R$ 800.000, foi apreendido no âmbito da Operação Daemon, deflagrada em julho de 2021 e que desmantelou um esquema fraudulento de negociações de criptoativos. A informação é do jornalista Guilherme Amado, do portal braziliense Metrópoles.

Segundo a PF, o veículo não será utilizado como uma viatura comum para ações rotineiras. O objetivo da corporação é usá-lo em “exposições, eventos e ações pedagógicas de repressão ao crime organizado e descapitalização de bens das organizações criminosas”.

A Polícia Federal  ressaltou que a Lamborghini será devolvida para a Justiça Federal assim que for marcado o leilão dos bens apreendidos na Operação Daemon. O dinheiro arrecadado será destinado às pessoas que foram vítimas das fraudes do grupo criminoso.

1 comentário em “Polícia Federal de Curitiba usará Lamborghini para ações pedagógicas”

Deixe uma resposta