Operação investiga contratos de iluminação pública em Foz e região

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

O Núcleo de Foz do Iguaçu do Grupo Especializado na Proteção ao Patrimônio Público e no Combate à Improbidade Administrativa (Gepatria), do Ministério Público do Paraná (MPPR), promove nesta sexta-feira (2) a segunda etapa da Operação Luz Oculta. Estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão em diversas cidades da região Oeste do Estado. A ação é realizada em parceria com a Divisão Estadual de Combate à Corrupção, da Polícia Civil.

A investigação trata de possíveis fraudes em licitação e violação de direito autoral (plágio) para contratação de empresa de iluminação pública em Foz do Iguaçu e outras cidades. Os mandados foram emitidos pelo Juízo Criminal da Comarca.

Em maio deste ano, foi realizada a primeira etapa da operação. O objetivo era apurar fraude de R$ 10 milhões em licitação da Prefeitura de Foz do Iguaçu..

Segundo investigações da operação, o projeto plagiava obras  de outras cidades e não justificava a troca de iluminação pública, já que o serviço não levava em consideração as particulares da cidade. Além de superfaturamento, manipulação e utilização de laranjas no processo licitatório.

 

Deixe uma resposta