Jornalistas abandonam entrevista coletiva de Bolsonaro

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

Jornalistas que acompanhavam na manhã desta terça-feira (31) o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro na saída do Palácio da Alvorada abandonaram o local da entrevista. Motivo: Bolsonaro estimulou novamente manifestações hostis e xingamentos direcionados à imprensa.

Após ser perguntado sobre a postura do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que tem dado orientações contrárias às de Bolsonaro durante a crise do coronavírus, um dos apoiadores começou a gritar que a imprensa “colocava o povo contra o presidente”. Foi então que Bolsonaro passou a incentivar o apoiador a falar e mandou que os jornalistas ficassem quietos.

“É ele que vai falar, não é vocês não”, afirmou o presidente.

Com isso, os apoiadores começaram a xingar os jornalistas. Após a fala, a imprensa se retirou e ficou em um lugar mais ao fundo do Palácio. Demonstrando uma surpresa inicial, Bolsonaro ironizou a movimentação. “Mas vão abandonar o povo? Nunca vi isso, a imprensa que não gosta do povo”, gritou Bolsonaro aos repórteres.

 

 

Deixe uma resposta