Greca busca dois partidos para fechar aliança

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

Por meio do DEM, seu partido, o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, está costurando a aliança partidária para a sua campanha em busca da reeleição. A legislação eleitoral permite a coligação com até cinco agremiações na disputa majoritária. As convenções partidárias para a escolha dos candidatos começam a ser realizadas a partir de 31 de agosto e Greca já afirmou várias vezes que é pré-candidato.

O DEM já conseguiu apoio de três partidos para formar a aliança, segundo se comenta no meio político municipal: o PSB, de Luciano Ducci, o PRTB e o PMN. Aliás, em 2016, Greca se elegeu pelo PMN.

Os dois que faltam para completar a aliança devem ser, pelo menos até o momento, o PP , do deputado federal e líder do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros, e da esposa, Cida Borghetti, ex-governadora do Paraná. Se o acordo for concretizado, a atual deputada estadual Maria Victória, filha de Ricardo e Cida, deve ser a companheira de chapa de Greca, como candidata a vice-prefeita; e o PTB, partido do atual vereador Pier Petruzziello, que é líder de Greca na Câmara Municipal de Curitiba. (Com informações do blog do Tupan).

 

Deixe uma resposta