Gaeco oferece denúncia contra organização criminosa que explora jogos de azar

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
Em Londrina, no Norte Central do Paraná, o núcleo regional do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) ofereceu denúncia contra 11 pessoas investigadas a partir da Operação Imperium, que apura a atuação de organização criminosa no ramo de jogos ilegais, estabelecida em diversos municípios paranaenses e do Estado de São Paulo.

A fase da operação que resultou na denúncia teve como alvo um braço do grupo criminoso que explorava o “jogo do bicho” em Ibiporã e Jataizinho. As investigações demostraram que a organização era composta por particulares e agentes públicos, que pagavam propinas a pelo menos um investigador da Polícia Civil, lotado na Delegacia de Ibiporã, para que ele se omitisse nas ações de combate à exploração de jogos ilegais.

A denúncia aponta a prática de crimes de organização criminosa e corrupção ativa e passiva (por 27 vezes), além da contravenção penal de exploração do “jogo do bicho”. (Do MPPR).

Deixe uma resposta