O informe semanal da Secretaria de Estado da Saúde sobre a gripe no Paraná, emitido nesta quarta-feira (12), registra 212 casos confirmados no Estado, com 51 óbitos. São oito mortes a mais que na semana anterior, com 43. Os óbitos aconteceram em Foz do Iguaçu, Maringá, Curitiba e Cambé.

Do começo do ano até agora, Foz do Iguaçu é o município que registra maior número de mortes com 13 confirmações. Na sequência, Curitiba com sete óbitos confirmados desde o começo do ano.

O boletim também aponta que a faixa etária acima dos 60 anos é a mais atingida pela gripe. Depois vem as crianças menores de 6 anos.

Com a chegada do inverno, na próxima semana, a Secretaria da Saúde recomenda que sejam reforçadas as medidas preventivas. “A gripe é uma doença respiratória aguda que deve ser levada a sério”, ressalta o enfermeiro chefe da Divisão de Doenças Transmissíveis, Renato Lopes. Os sintomas são aparecimento súbito de calafrios, febre, tosse seca, mal-estar, dores no corpo e na garganta, fadiga. Podem ainda incluir sintomas como diarreia, vômito, fadiga, rouquidão.