Já é dado como certo que o general Luiz Felipe Carbonnell deixa mesmo a secretaria da Segurança Pública nas próximas horas, confirmando informações que circularam na semana passada e que obrigaram o governador Ratinho Jr. a tentar um desmentido durante a instalação provisória da sede do governo na Expo Londrina. Carbonell, no entanto, preferiu o silêncio.

Nesta noite de terça-feira (16), repetiram-se com insistência as especulações, mas que ainda não tiveram confirmação oficial. Fontes próximas ao governador dizem, no entanto, que ele já estaria tratando da escolha do substituto. O nome de um deputado estadual foi mencionado.

O general Carbonell teria sido atraído por convite irrecusável de voltar a ocupar uma diretoria da hidrelétrica de Itaipu e que tomaria posse nos próximos dias, antes das comemorações do 45.º aniversário de criação da usina.