O presidente Jair Bolsonaro descartou nesta sexta-feira (24), na chegada a Nova Délhi, capital da Índia, a possibilidade de desmembrar o Ministério da Justiça e Segurança Pública em duas pastas.  “A chance no momento é zero, tá bom? Não sei amanhã, na política tudo muda, mas não há essa intenção de dividir”, disse.

Segundo informações do jornal O Estado de S. Paulo, o presidente negou a existência de atritos com seus ministros, principalmente com Sergio Moro. “Não existe qualquer atrito entre eu e o Moro, entre eu e o Guedes, eu e qualquer outro ministro”, disse.

Como se sabe, na última quarta-feira (22)  Jair Bolsonaro  recebeu de secretários estaduais de Segurança Pública  cinco sugestões para políticas na área em uma reunião. De todas elas, ele anunciou publicamente apenas uma – a divisão do  Ministério da Justiça, com a recriação da pasta de Segurança Pública. Curiosamente, o ministro Sergio Moro não participou do encontro.