Bolsonaro diz que pode ter que combater semipresidencialismo fora das quatro linhas

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
O presidente Jair Bolsonaro comentou nesta segunda-feira (22) a proposta de implementação de um modelo semipresidencialista no Brasil, discutida no fórum jurídico de Lisboa pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF)  Gilmar Mendes.

Perguntado por um apoiador no cercadinho do Palácio da Alvorada, o presidente respondeu que pode ter que sair “fora das quatro linhas da Constituição para combater a ideia.“Tem certas coisas que é tão idiota que não dá nem para discutir. Eu não vou começar a bater boca com ninguém sobre esse assunto. Coisa idiota, idiota. Agora, eu falo que jogo dentro das quatro linhas. Quem sair fora, daí eu sou obrigado a combater o cara fora das quatro linhas”, disse.

Bolsonaro afirmou ainda que teria o poder de “dissolver o Congresso” em um sistema de governo presidencialista.Se você for levar ao pé da letra o semipresidencialismo ou outro regime parecido, eu teria poder para dissolver o Congresso. Então não vou começar a discutir. Quem veio primeiro, o ovo ou a galinha? Não vai chegar a lugar nenhum”, afirmou. E completou:   “Por que lançam isso aí? Porque acabou a mamata”. (De O Antagonista).

Deixe uma resposta