Barroso fala em “sentimento de abandono” no país

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luiz Roberto Barroso,  disse nesta quinta-feira (4) que muitas das mortes por Covid-19 no país eram evitáveis e que é legítimo o “sentimento de abandono que as pessoas têm pelo Brasil afora”.

Barroso afirmou ainda que o país passa por um momento de desvalorização da vida. Ele lembrou o recorde negativo de 1.840 mortes registradas nessa quarta-feira (3). “Nós tivemos na data de ontem [quarta-feira] 1.840 mortos pela Covid-19 no Brasil. Nós estamos batendo recordes negativos. Algumas dessas mortes eram, como em toda parte do mundo, inevitáveis, mas, muitas, evitáveis”, declarou o ministro.

Segundo Barroso, “nós estamos, infelizmente, vivendo um momento de desvalorização da vida, em que pessoas nos deixam e passam a ser tratadas puramente como números. É muito triste o que está acontecendo no Brasil e é legitimo o sentimento de abandono que as pessoas têm pelo Brasil afora“.(Do G1).

 

Deixe uma resposta