Áudio de ex-cunhada de Bolsonaro induz ao erro, diz o governo

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

O Palácio do Planalto divulgou na tarde desta segunda-feira (5) uma nota em resposta à notícia do UOL que revelou que o presidente Jair Bolsonaro cuidava pessoalmente do esquema de desvio de salários de seu gabinete quando era deputado federal.

Segundo o comunicado, o áudio da reportagem foi publicado fora de contexto. O Palácio do Planalto afirma que ela induz o leitor a ter conclusões precipitadas.

“Considerando que não tivemos acesso à íntegra das gravações divulgadas pelo UOL, mas apenas a trechos fora de contexto, sem mais informações sobre data e hora, não há como nos manifestar. A construção da narrativa, tal qual feita pelo UOL, por meio da divulgação de trechos sem contextualização cronológica parecem ter como intuito induzir o leitor/expectador a conclusões precipitadas por carecer de contexto”, diz a nota. (De O Antagonista).

Deixe uma resposta