Alep debate o presente e o futuro das universidades estaduais do Paraná 

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
Para debater a atual situação do ensino superior público estadual, a Frente Parlamentar pela Promoção e Defesa das Universidades Públicas do Paraná da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) promove, nesta quarta-feira (8) a partir das 14 horas, a audiência pública “Presente e Futuro das Universidades Estaduais”, com a participação de representantes das universidades, dos sindicatos dos docentes e agentes do ensino superior e do Governo do Estado. A audiência será transmitida ao vivo pela TV Assembleia, site e redes sociais do Legislativo.

“Essa audiência ganha ainda mais relevância porque o Governo do Estado encaminhou para a Assembleia o PL 728/2021, intitulado Lei Geral das Universidades (LGU), que estabelece parâmetros de financiamento e distribuição de recursos entre as universidades estaduais”, informou o deputado estadual  Goura (PDT), que é o coordenador da Frente Parlamentar pela Promoção e Defesa das Universidades Públicas do Paraná, criada em 2019.

Goura lembrou que no final de 2019, em novembro, a Frente das Universidades intermediou reuniões entre o Governo do Estado e os representantes das entidades sindicais de docentes e agentes universitários para negociar a proposta da LGU apresentada naquela ocasião. “Todos repudiaram o texto do governo e a LGU foi retirada de pauta. Volta agora num contexto complexo para as universidades e novamente as entidades se manifestam contra o texto enviado pelo Governo, neste início de dezembro”, explicou.

“As universidades têm um papel central na construção de uma sociedade democrática, justa, fraterna e solidária, sendo dever de todos e todas defender o ensino público de qualidade, laico e gratuito. Por isso, é importante que toda a sociedade participe desta audiência e se manifestem”, disse Goura.

Sistema Estadual de Ensino Superior

Segundo o Governo do Paraná, o Sistema Estadual de Ensino Superior do Paraná é composto por sete instituições: universidades estaduais de Londrina (UEL), de Maringá (UEM), de Ponta Grossa (UEPG), do Oeste do Paraná (Unioeste), do Centro-Oeste (Unicentro), do Norte do Paraná (Uenp), e do Paraná (Unespar). Elas somam 95 mil estudantes matriculados em 382 cursos de graduação e 202 cursos de pós-graduação. O quadro de pessoal reúne 7.841 professores e 7.135 agentes universitários. Entre os docentes, 89% são mestres e doutores.

Frente em Defesa das Universidades

A Frente Parlamentar pela Promoção e Defesa das Universidades Públicas do Paraná da Assembleia Legislativa também conta com a participação da deputada Luciana Rafagnin (PT) e dos deputados Anibelli Neto (MDB), Arilson Chiorato (PT), Delegado Fernando Martins (PSL), Dr. Batista (DEM), Evandro Araújo (PSC), Galo (PODE), Delegado Jacovós (PL), Marcio Pacheco (PDT), Michele Caputo (PSDB), Professor Lemos (PT), Rodrigo Estacho (PV), Tadeu Veneri (PT) e Tercilio Turini (CDN).

 

Deixe uma resposta