Acordo de leniência celebrado entre o Gaeco e Samsung Heavy Industries é homologado

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

A Câmara de Combate à Corrupção do Ministério Público Federal (5CCR-MPF) homologou integralmente o acordo de leniência firmado entre o MPF e a Samsung Heavy Industries (SHI). A homologação foi realizada no dia 11 de março e a empresa já cumpriu quase a integralidade do acordo, que se refere ao pagamento de R$ 811.786.743,49 de reparação de danos e multa pelos crimes praticados. O colegiado da 5CCR também deliberou pela manutenção do sigilo do acordo, enquanto interessar à investigação a utilidade de prova fornecida.

A Samsung Heavy Industries é uma das maiores companhias mundiais de fabricação de navios e o acordo de leniência também foi assinado tendo como partes a Controladoria-Geral da União (CGU) e a Advocacia-Geral da União (AGU). Do valor devido, R$ 705.901.516,10 serão pagos a título de reparação de danos e será voltado para a Petrobras. O valor restante de R$ 105.885.227,39 corresponde à multa prevista no art. 12 da Lei de Improbidade Administrativa (Lei 8.429/92) e será revertido para a União Federal.

Além do pagamento dos valores a título de multas e reparação do dano à sociedade, caso volte a firmar contratos no Brasil, a empresa também comprometeu-se a atualizar e aperfeiçoar suas políticas de governança e de compliance, incluindo os mecanismos de controle e fiscalização, a fim de retomar a confiança e credibilidade de seus clientes e demais públicos.

Gaeco federal Este é o primeiro acordo de leniência celebrado no âmbito da Lava Jato no Paraná depois da integração com o Grupo de Ação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MPF. Com este acordo, chega-se a 18 o número de leniências celebradas, nos quais se ajustou a devolução de R$ 15,8 bilhões. Em termos de acordos de colaboração (celebrados com pessoas físicas) já foram realizados 209 que totalizaram mais de R$ 4,3 bi devolvidos.(Do MPF-PR).

Deixe uma resposta