Para não passar por constrangimentos, o governador Ratinho Jr. está sendo aconselhado a aprimorar os serviços de informação de que se vale para nomear auxiliares.

Um mês depois de tê-lo nomeado para a presidência do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional – cargo já ocupado na era Richa por Mauricio Fanini, o homem da Quadro Negro – Ratinho recebeu a notícia de que o pessedista José Maria Ferreira foi condenado pela Vara da Fazenda Pública de Ibiporã à perda da função pública e à suspensão dos seus direitos políticos. A sentença da juíza Sonia Fuzinato foi dada nesta quarta-feira (20).

E também no mesmo dia em que anunciou que viajará aos Estados Unidos neste fim de semana para cumprir agenda oficial, o governador informou que levará em sua comitiva o presidente que nomeou para a Agência Paraná de Desenvolvimento (APD), José Eduardo Bekin.

Foi o que bastou para ser lembrado que o companheiro de viagem tem no seu passado uma condenação pelos crimes de formação de quadrilha, falsidade ideológica e sonegação fiscal e que lhe valera oito anos de reclusão, pena convertida em 2013 pelo TRF-4 para regime aberto e serviços comunitários. A decisão judicial foi da época em que Bekin era diretor-executivo do Shopping Total, empresa que faliu em 2017.