Início Brasil TSE dá 15 dias para Bolsonaro comprovar fraudes em eleições

TSE dá 15 dias para Bolsonaro comprovar fraudes em eleições

O corregedor do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Felipe Salomão, deu prazo de 15 dias para que o presidente Jair Bolsonaro  comprove uma suposta fraude no processo eleitoral brasileiro,  uma teoria sustentada pelo chefe de estado e do governo deste o início de 2020. A decisão foi tomada em portaria nessa segunda-feira (21) e é a primeira resposta das instituições jurídicas para a resolver a polêmica aberta pelo presidente.

Na decisão, Salomão indica que a cobrança de explicações por parte do presidente busca “subsidiar estratégias de aprimoramento dos recursos de segurança que envolvem as atividades voltadas à realização das eleições, em especial relativas ao pleito que se avizinha”.

Em um anexo da portaria, o ministro Salomão indica seis declarações do presidente sobre suposta fraude nas eleições de 2018 – no qual Bolsonaro se sagrou vencedor. A mais recente foi em junho de 2020, durante culto de igrejas evangélicas transmitidas pela TV Brasil.A mais antiga, também transmitida pelo canal, ocorreu logo após o primeiro turno de 2018 quando, ao lado o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que iriam “juntos ao TSE exigir soluções para isso que aconteceu agora”. (Do Congresso em Foco).

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile