Início memória Morre em Curitiba o engenheiro e professor Harry Korman

Morre em Curitiba o engenheiro e professor Harry Korman

Morreu em Curitiba nesta quarta-feira (23) o engenheiro mecânico eletricista Harry Korman, 81 anos, funcionário aposentado da Companhia Paranaense de Energia (Copel), professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR), ex-diretor do Instituto de Engenharia do Paraná (IEP) e conselheiro do Crea-PR. Ele estava internado no Hospital Nossa Senhora das Graças.

“O engenheiro Harry sempre foi muito participativo no Sistema Profissional, contribuindo muito com seu trabalho em todas as suas atividades como conselheiro. Por sua atuação, tornou-se uma grande referência para todos os demais profissionais no Crea-PR. Em nome do Conselho agradeço sua dedicação durante todos esses anos nesse trabalho honorífico”, disse o presidente do Crea-PR, engenheiro civil Ricardo Rocha.

Trajetória

Harry Korman era engenheiro mecânico eletricista, formado em 1965 pela Universidade federal de Minas Gerais (UFMG), e Engenheiro de Segurança do Trabalho, formado em 1981 pela Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho (Fundacentro). Além desses cursos, tinha graduação em Administração de Empresas pela UFMG (1969), especialização em Engenharia de Segurança pela Universidade Federal do Paraná (UFPR-1982) e mestrado em Engenharia Elétrica pela UFPR (2003), onde foi professor.

Nascido em Belo Horizonte (MG) em 24 de março de 1941, o engenheiro, que estava com 81 anos, morou em São Paulo e posteriormente Curitiba, onde registrou seu visto para atuação no Paraná em 1973, e permaneceu até a atualidade;

Além da UFPR, no Paraná ele atuou na Associação Franciscana de Ensino Senhor Bom Jesus e na Geico Brasil.

Além da Engenharia, Harry se interessava bastante pelas artes e música. Pintou quadros em óleo sobre tela, participando inclusive de exposições, cantou em corais e executava harmônica de boca desde a infância, motivo pelo qual participou da Orquestra Harmônica de boca em Curitiba. (Com informações do Crea-PR).

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile