Cultura, investimentos e transportes estão na agenda da viagem internacional de Ratinho Junior

O governador Ratinho Junior (PSD) lidera nas próximas duas semanas nova missão internacional que vai passar por quatro países. A viagem, organizada pela Invest Paraná, vai passar pela França, Polônia, Estados Unidos e Canadá, e tem como objetivo atrair investimentos, parcerias e novos negócios para o Paraná.

Essa é a terceira grande agenda internacional do ano. As duas primeiras foram para o Nebraska, nos EUA, voltada para investimentos no agronegócio, principalmente no circuito de irrigação, e para a Índia, com confirmação de novos investimentos em Londrina e uma parceria para instalação de supercomputadores nas universidades estaduais

França

A missão começa pela França, nestedomingo (5), em uma agenda da Secretaria da Cultura. Em Paris, o governador se reúne com o presidente do Centro Nacional de Arte de Cultura George Pompidou e com os responsáveis pela Escola de Ballet da Ópera da capital francesa, no tradicional Palais Garnier.

No primeiro encontro, está prevista a assinatura de um memorando de entendimento que dá prosseguimento à instalação de uma unidade do tradicional museu Pompidou no Paraná. O Estado será o primeiro local da América Latina a receber uma “antena”, como são chamadas as unidades do centro ao redor do mundo. Ela deve ser instalada em Foz do Iguaçu, no Oeste do Estado.

O Pompidou de Paris é um complexo cultural efervescente que abriga biblioteca, ateliê de escultura, cinema, dança e centro de música e estudos acústicos. Ele foi inaugurado em 1977 e é um dos locais de encontro mais procurados por parisienses e visitantes. Além da sede francesa, o Pompidou possui antenas na Bélgica, Espanha e China.

Na sequência, a comitiva pretende formalizar uma aproximação institucional do Estado com a Ópera de Paris, que tem mais de 350 anos de história, para que seja firmada uma parceria com a Escola de Dança do Teatro Guaíra.

Polônia

Na segunda-feira (6), a comitiva liderada por Ratinho Junior viaja para Katowice, capital da província da Silésia, na Polônia. A cidade recebe anualmente o Congresso Europeu Econômico (CEE), considerado o maior evento de negócios da Europa Central. O Paraná foi convidado pelo Governo da Silésia, com quem mantém uma parceria, porque é referência em crescimento econômico sustentável – em 2023, o Paraná foi o estado que mais cresceu no País, de acordo com o Banco Central.

O congresso reúne mais de 15 mil administradores públicos, empresários e investidores de todo o mundo. No evento, o governador Ratinho Junior e demais integrantes do Governo do Estado participam de painel que vai discutir as perspectivas de desenvolvimento de uma cooperação econômica entre Polônia e Brasil.

Ainda no país europeu, a comitiva visita a Agência de Desenvolvimento Regional de Bielsko-Biala, que trabalha para melhorar a competitividade das micro, pequenas e médias empresas da região.

A agenda também prevê reuniões com o subsecretário de Estado da Autoridade de Desenvolvimento Econômico de Abu Dhabi, dos Emirados Árabes Unidos, Rashed Al Blooshi, e com a vice-ministra de Relações Intergovernamentais da província de Alberta, do Canadá, Katarzyna Piquette. Ambos estarão na Polônia para participar do CEE.

Canadá

A partir do dia 11, a comitiva desembarca no Canadá. A agenda começa em Toronto, onde o governador lidera uma série de encontros com fundos de pensão canadenses dentro do “Paraná Infrastructure Round Table”. Ele também se encontra com executivos da Brookfield Asset Management e AMP Solar Group Inc. Na agenda diplomática, ele também se reúne com Douglas Robert Ford, premiê da província de Ontário, e o senador Victor Oh.

Em seguida, em Montreal, o governador se encontra com Stéphane Larue, presidente da Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC), e Emmanuel Jaclot, vice-presidente executivo e chefe global de infraestrutura da Caisse de Dépôt et Placement du Québec, uma das maiores gestoras de fundos institucionais do Canadá.

Nesses encontros, o governador vai apresentar os projetos de infraestrutura do Estado, como os quatro lotes de rodovias que serão leiloados nos próximos anos, dentro do pacote de concessões alinhado com o Ministério da Infraestrutura; a Nova Ferroeste, corredor de exportação de 1,5 mil quilômetros entre o Porto de Paranaguá e Maracaju, no Mato Grosso do Sul; e projetos da Portos do Paraná, empresa pública que administra os terminais paranaenses.

Estados Unidos

A agenda em Nova York, nos Estados Unidos, começa no dia 13. Estão previstas agendas com Banco Master, Alvarez & Marsal, BTG Pactual e Ernst & Young, fundos globais, com o objetivo de apresentar o cenário econômico e os projetos do Paraná. A ideia é atrair novos investimentos, reafirmar a posição estratégica do Paraná na América do Sul e dialogar sobre possíveis investimentos.

O governador Ratinho Junior também foi convidado para participar de três grandes eventos em Nova York. Ele vai fazer palestras no LIDE Brazil Investment Forum 2024, realizado anualmente com autoridades e empresários para impulsionar investimentos para o Brasil, no Brazil and the World Economy, ao lado de executivos de grandes empresas brasileiras, e no Summit Valor Econômico – Brazil-USA, para discutir a agenda de reformas do Brasil o que é preciso para melhorar o ambiente de negócios. (AEN; Foto:  Roberto Dziura Jr/AEN)

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui