Início Brasil Cardiologista não aceita convite para o Ministério da Saúde

Cardiologista não aceita convite para o Ministério da Saúde

A cardiologista Ludhmila Hajjar não aceitou o convite do presidente Jair Bolsonaro para comandar o Ministério da Saúde. A informação é da jornalista Andreia Sadi, da Globo News.

A médica e o presidente estiveram reunidos por três horas nesse domingo (14), no Palácio do Alvorada, mas não chegaram a um consenso sobre a direção do Ministério da Saúde no comando de ações de combate a pandemia de Covid-19. O atual ministro, Eduardo Pazuello, participou do encontro.

De acordo com as informações de políticos que apoioam o nome de Ludhmila, no encontro foram discutidas medidas de apoio ao isolamento social para frear a epidemia, a urgência da vacinação em massa da populalção e tratamentos precoces, defendidos por Bolsonaro mas não confirmados por estudos científicos.

Luhdmila é defensora da necessidade de vacinação urgente, participou de estudos que comprovam a não eficácia de algumas drogas no uso da Covid-19 e apoia o isolamento social.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile