Início Brasil Agora é lei: trecho da nova ponte Brasil-Paraguai recebe o nome de...

Agora é lei: trecho da nova ponte Brasil-Paraguai recebe o nome de Jaime Lerner

Foi sancionado o Projeto de Lei nº 1.984 de 2021, que denomina Ponte da Integração Jaime Lerner o trecho brasileiro da ponte sobre o Rio Paraná entre Foz do Iguaçu e Presidente Franco, na divisa da República Federativa do Brasil com a República do Paraguai. O projeto de lei é de autoria do então deputado federal Evandro Roman (PP-PR). A iniciativa teve o apoio Movimento Pró-Paraná.

O arquiteto e urbanista ficou mundialmente conhecido pelo projeto de planejamento urbano e transporte integrado em Curitiba. Criou lugares turísticos emblemáticos como o Jardim Botânico, a Ópera de Arame, o Parque Barigui e o Parque São Lourenço.

Jaime Lerner nasceu em 17 de dezembro de 1937, em Curitiba, onde foi prefeito por três vezes, tendo sido ainda governador do Paraná em dois mandatos. Jaime morreu no ano passado.

Foi durante sua gestão como prefeito de Curitiba que o arquiteto e sua equipe desenvolveram a rede integrada de transporte público (BRT), conhecida na capital paranaense como a “linha expresso”. O objetivo era criar um transporte público rápido, com poucas paradas, canaletas exclusivas, e, simultaneamente, o urbanismo, como um conjunto. A ideia simples e inovadora proporcionou grandes mudanças e vantagens à mobilidade urbana e foi copiada (ou serviu de inspiração) para a elaboração de modelos de mobilidade urbana em outras cidades brasileiras e no mundo.

Durante a sua carreira como arquiteto e urbanista, Jaime Lerner foi listado entre os 25 pensadores mais influentes do mundo, pela revista norte-americana “Time”, tendo sido considerado o segundo maior urbanista do mundo, em 2018, pela também revista norte-americana “Planetizen”. Participou, ainda, de importantes conferências internacionais, atuou como consultor urbanístico e recebeu diversas premiações pelas suas contribuições na área de arquitetura e urbanismo.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile