Pra não dizer que não falei das flores

A Copel começou a retirar as torres de transmissão de energia do canteiro central avenida Comendador Franco – a Avenida das Torres. O vereador Hélio Wirbiski achou a iniciativa elogiável, principalmente porque, subterrâneas, as linhas transportarão o triplo energia, o que evitará apagões em Curitiba.

Mas ele foi além: “Faço um apelo ao prefeito Rafael Greca, porque é muito simplista dizer que vamos tirar as torres para plantar flores. Nós também gostamos de flores mas gostamos muito mais das 300 mil pessoas que moram na região e que precisam da interligação do transporte coletivo”.

Para Wirbiski, a liberação do canteiro central pode servir para fazer um novo corredor de transporte na região metropolitana. “Nós precisamos de um terminal para ligar com São José dos Pinhais”.

2017-11-14T09:01:10+00:00 14 novembro - 2017 - 08:20|Política|2 Comentários


2 Comentários

  1. Parreiras Rodrigues 14 de novembro de 2017 em 09:21- Responder

    A prioridade seria o descongestionamento das duas dúzias de fios que pairam sobre nossas cabeças por onde a gente caminhe. Mais da metade, condutores do nada para ninguém.

  2. Tayco 14 de novembro de 2017 em 13:36- Responder

    Cadê os “experts” em planejamento?
    Eu, um reles observador, já comentei na época. Porque não fizeram isso (enterrar os cabos) na Avenida inteira?
    Depois de quase pronta, só agora vem com essa ideia?
    O “gordinho” que plantar flores na sua chacrinha e deixe alguém com mais de 2 neurônios fazer planejamento.

Deixar Um Comentário

%d blogueiros gostam disto: