Jogo de azar para financiar segurança pública?

Em discussão no Congresso, senadores devem levar à votação um projeto de criação de um Fundo Nacional de Desenvolvimento da Segurança Pública dentro do pacote de combate à violência em debate no Congresso. Mas a jogada é: permitir a exploração dos jogos de azar no Brasil para financiar a segurança pública.

A proposta de legalização dos jogos de azar é defendida por governadores, que querem reverter a arrecadação de impostos com a atividade em recursos para combater a criminalidade, conforme aponta reportagem do jornal O Globo desta segunda-feira (13).

O problema, no entanto, é que já existe um fundo semelhante no Orçamento, “com praticamente o mesmo nome e saldo bilionário em 2017″, mas com gastos irrisórios. Com orçamento de R$ 1,065 bilhão para este ano, apenas R$ 395,4 milhões foram reservados para ser transferidos quando a obra ou o serviço contratado for finalizado.

Os dados do jornal foram retirados do portal Siga Brasil, do Senado. De acordo com os jornalistas Eduardo Bresciani e Renata Mariz, “além dos R$ 185 milhões pagos do orçamento deste ano, foram quitados outros R$ 126,4 milhões remanescentes de períodos anteriores, os chamados restos a pagar”.

2017-11-13T14:21:37+00:00 13 novembro - 2017 - 13:58|Brasil, Paraná, Política|1 Comentário


Um Comentário

  1. Cacecicocu 13 de novembro de 2017 em 18:20- Responder

    Jogo do Bicho
    Cassino
    Bingo
    Todos patrocinam a Polícia?
    Lei Castor de Andrade.

Deixar Um Comentário

%d blogueiros gostam disto: