João Elisio pergunta: “o que falta para o Paraná?”

Governador do Paraná por dez meses, entre 1986 e 1987, o empresário João Elísio Ferraz de Campos deu entrevista ao jornalista José Wille para o programa “Paraná Business”, da TV Bandeirantes, em 2013. Eleito vice-governador em 1982, quando da primeira eleição direta já no fim do regime militar, João Elisio completou a gestão do titular, o governador José Richa, quando este renunciou para concorrer ao Senado.

Foram dez meses intensos, “uma experiência fantástica” como definiu. Desde então, porém, uma pergunta para a qual não encontra resposta o incomoda: por que o Paraná, sendo um estado “tão certinho”, é tão pouco recompensado pelo governo federal? Por que tão poucos paranaenses são chamados para exercer cargos importantes na esfera federal? Cita um exemplo: a agricultura do Paraná é fortíssima e o estado nada a aprender com os outros, mas por que pouquíssimos paranaenses ocuparam o ministério da Agricultura até hoje?

A este propósito, ele recorda fato de que, em seu período de governo, o estado era responsável por metade da produção brasileira de trigo, mas nem mesmo um posto de terceiro escalão que ditava as políticas para o produto tinha um paranaense à frente.

Logo depois de seu período à frente do governo do estado, João Elísio passou a se dedicar à atividade empresarial principalmente na área de seguros, que liderou por vários anos como presidente da Federação Nacional das Empresas de Seguros Privados (Fenaseg).

(o vídeo faz parte do acervo do Portal História Brasileira, mantido por Wille)

2017-10-11T10:02:44+00:00 11 outubro - 2017 - 06:46|Do baú, Paraná, Política|0 Comentários

Deixar Um Comentário

%d blogueiros gostam disto: