Greca faz acordo para renovar frota de ônibus

Dia 9 de fevereiro deste ano, três dias depois de o prefeito decretar o aumento da passagem de ônibus de R$ 3,70 para R$ 4,25, Rafael Greca e Donato Gulin – o chefe de uma família que controla 70% das linhas do transporte coletivo – reuniram-se em convescote no Country Club. Poderia ter nascido ali, há nove meses, o acordo anunciado nesta terça-feira (14) pelo qual as concessionárias e a prefeitura desistem de 23 ações que moviam entre si na Justiça.

Com isto, Greca e Mauricio Gulin, presidente do Sindicato das Empresas, firmaram compromisso de iniciar a renovação da frota. Os primeiros novos ônibus serão 25 biarticulados que entrarão em operação em março de 2018. Os outros 125 ônibus serão entregues ao longo do próximo ano, conforme modelo e linhas a serem definidas pela URBS com os gestores dos consórcios. No total, promete o prefeito, serão 475 novos veículos.

O acordo ainda depende de homologação da Justiça.

2017-11-16T08:27:30+00:00 15 novembro - 2017 - 00:53|Do baú, Paraná, Política|2 Comentários


2 Comentários

  1. Eduardo Pereira 15 de novembro de 2017 em 07:06- Responder

    Onibus no Rio R$ 3,40 por decisão do TJ (era R$3,60 e baixou).. Onibus em Niteroi: R$ 3,90 com direito a onibus novo, ar condicionado, tv , wi-fi. e carregador usb.

    Em quem votou o gulin no 1º e 2º turno da eleição de 2016 ? Não sou advogado (mas pego onibus desde a barriga da minha mãe) então não posso avaliar se um acordo politico se sobrepõem ao que dizem os contratos e à realidade das necessidades da cidade. Mas o que se fez na urbs não conseguem fazer nos pedágios: um acordo. Dito isso e analisando o calendário da “renovação” vê-se que como todo governo de direita o prefeito esta ali para arranjar os negócios dos empresários . O greca, bate a carteira do trabalhador, rindo e contando uma histórinha sobre as praias , sobre as montanhas, sobre o surf e sobre tudo que não tem a menor relevância para o curitibano que adora esta bobagem.

  2. Catarina Ardissonova 15 de novembro de 2017 em 09:44- Responder

    E esperamos que sejam veículos elétricos e ou no mínimo híbridos, né senhor prefeito? Pq não vai deixar o gulin decidir o que o futuro da atmosfera requer para o bem do povo não é mesmo?

Deixar Um Comentário

%d blogueiros gostam disto: