Brasil

Horário “gratuito” vai custar R$ 1 bilhão

A ong Contas Abertas fez as contas: Horário eleitoral terá custo de mais de R$ 1 bilhão em 2018 Em meio à discussão sobre onde cortar despesas, tendo em vista o rombo de R$ 159 bilhões, o governo federal prevê uma isenção fiscal de mais de R$ 1 bilhão para o horário eleitoral “gratuito” em 2018. O valor é o maior destinado à iniciativa desde 2002, conforme série histórica elaborada

Ler Mais [...]
2017-08-21T20:37:22+00:00 21 agosto - 2017 - 15:33|Brasil, Paraná, Política|0 Comentários

PF interroga Vaccarezza

O ex-deputado e ex-líder dos governos Lula e Dilma, Cândido Vaccarezza está neste momento sendo interrogado na Polícia Federal de Curitiba. Preso na última sexta-feira, ele é acusado de receber propinas no valor de 438 mil dólares por intermediação de venda de asfalto para a Petrobras.

Ler Mais [...]
2017-08-21T16:49:31+00:00 21 agosto - 2017 - 15:26|Brasil, Paraná|0 Comentários

Meio distritão e meio presidencialismo

Como o Contraponto já informou aqui, há uma tendência de mudar a proposta do distritão para um semidistritão, pelo qual seriam deputados e vereadores mais votados mas também alguns beneficiados por suas legendas. O projeto que institui o distritão entra na fase de votação no plenário da Câmara nesta terça, mas a tendência é de haja emendas à proposta. Ao semidistritão segue-se agora

Ler Mais [...]
2017-08-21T14:21:10+00:00 21 agosto - 2017 - 13:29|Brasil, Paraná|0 Comentários

O Novo terá candidato no Paraná

O partido Novo, que terá como candidato a presidente o ex-treinador das vitoriosas seleções feminina e masculina de vôlei, Bernardinho, diz que também tem candidatos a governador em pelo menos sete estados. O Paraná é um deles. Partido francamente de tendência liberal, defensor do estado mínimo e privatista, quer ser Novo não apenas no nome mas também no jeito de fazer política. Por

Ler Mais [...]
2017-08-21T14:16:44+00:00 21 agosto - 2017 - 08:45|Brasil, Paraná|0 Comentários

Um jeito diferente para administrar o transporte

O contrato da prefeitura com as atuais concessionárias do transporte coletivo de Curitiba vai até 2025. Ou seja, no rigor da lei, a população teria de se conformar com o sistema que aí está. E do jeito que está são mínimas, quase inexistentes, as possibilidades de introduzir as melhorias reclamadas: passagem mais barata (e não esta, de R$ 4,25, a mais alta do país) maior rapidez,

Ler Mais [...]
2017-08-20T16:54:15+00:00 20 agosto - 2017 - 15:04|Brasil, Paraná|4 Comentários

Só comprar ônibus novo não resolve

Da coluna assinada na Gazeta do Povo deste fim de semana: Transporte coletivo exige soluções mais importantes do que comprar ônibus novo (por Celso Nascimento) - Que o transporte coletivo de Curitiba e região metropolitana está andando em marcha à ré ninguém tem mais dúvidas. Já se faz longe o tempo em que ele servia de modelo para o mundo. Atualmente, apesar da baixa qualidade do serviço,

Ler Mais [...]
2017-08-20T17:16:22+00:00 20 agosto - 2017 - 12:20|Brasil, Paraná|4 Comentários

Você prefere quem? Doria ou Alckmin?

Doria ganha disparado de Alckmin, segundo pesquisa da Paraná Pesquisa e publicada pela colunista Eliane Cantanhêde de O Estado de S. Paulo. A sondagem foi feita entre os dias 15 e 17 com 2.802 eleitores de todo o país. Quer saber o resultado? Vai lá: Doria - 40,3% Alckmin - 13% Nenhum/não sabe - 46,5% O número que mais impressiona é o último: quase 50% dos eleitores

Ler Mais [...]
2017-08-20T17:09:17+00:00 20 agosto - 2017 - 10:45|Brasil, Política|1 Comentário

“Este país não nasceu para ser a merda que é”

A frase é do ex-presidente Lula durante um dos comícios que vem fazendo pelo Nordeste para se afirmar como candidato em 2018. O discurso foi neste sábado (19) no município baiano Feira de Santana - terra de João Santana e Mônica Moura. "Este país tem jeito. Não nasceu para ser a merda que ele é. Este país é grande demais" Uma hora depois, o ex-presidente pediu desculpas pelos termos usados. (a

Ler Mais [...]
2017-08-20T17:11:37+00:00 20 agosto - 2017 - 09:25|Brasil, Política|1 Comentário

A volta da doação de empresas para financiar campanha

Impressionados com a reação popular contra a destinação de R$ 3,6 bilhões de dinheiro público para financiar a gastança das campanhas, os políticos tentam agora convencer o Supremo Tribunal Federal (STF) a mudar de opinião e considerar legais as doações de empresas - estas mesmas que geraram o mais patológico sistema político-eleitoral que jogou o país no caos. No ano retrasada, o

Ler Mais [...]
2017-08-20T00:48:02+00:00 20 agosto - 2017 - 08:00|Brasil|0 Comentários